segunda-feira, 4 de maio de 2015

Uma introdução a Teologia do Corpo

Resultado de imagem para introdução a teologia do corpo
Toda quarta feira o Papa faz uma catequese, e nosso querido Papa Francisco tem meditado sobre a Família por causa do Sínodo para a Família, assim também a Teologia do Corpo (TdC) foi um conjunto de catequeses do Papa João Paulo II, de !979 a 1984. Esse conjunto de catequeses sobre o Amor humano, foi um dos primeiros presentes que o pontificado de JPII, e já chegou mostrando sua ousadia e originalidade.  Papa Paulo VI enfrentou muitas batalhas para publicar sua Encíclica “Humanea Vitae”, e o Papa João Paulo I teve um pontificado muito curto. Então uma das primeiras coisas que JPII fez foi dar sua contribuição a essa batalha a favor da vida, ou ainda mas, retomar o plano de Deus para o Amor humano. Se olharmos de perto a vida de Karol Wojtyla, veremos que todo o seu sacerdócio ele teve seus ouvidos atentos aos jovens e as família, e já como bispo já tinha obras escritas, e essas foram as bases para construir essas catequeses. JPII conduz o leitor “ao princípio”, ao momento da criação, na busca pelo plano original de Deus para o Amor entre o Homem e a Mulher. A diferença sexual abre caminho para vencer o que ele chama de “solidão originária”, para buscar a comunhão, segundo o modelo da própria Trindade. Por vezes vou falando alguns termos que podem ainda não estar muito claros, como “princípio”, “solidão originária”, mas vamos com calma, aos poucos vamos visita-las uma a uma. Por que é importante entendermos o contexto para aos poucos entrarmos nas catequeses de fato. E gostaria de partilhar com vocês minha experiência com essas doces palavras do Papa, e como elas chegaram em minhas mãos.

 Na Assembleia Geral da CNBB, em 2004, foi aprovada a publicação em português com o nome de “Homem e mulher o criou”, o livro chega as livraria 20 anos depois da primeira edição em língua Italiana, só aí da para termos uma visão melhor como demorou,  o Papa JPII falecei em Abril de 2005, foi nesse mesmo ano que esse livro caiu em minhas mãos de forma muito providente hoje eu vejo. Mas eu era ainda estudante de psicologia, olhava aquelas palavras e logo me perdia em tantos termos filosóficos, teológicos, antropológicos e até mesmo psicológico. Coloquei aquele calhamaço na estante e sempre olhava ele com paixão, mas caminhava a passos lentos e logo devolvia a estante. Foi indo que até me esqueci, e Deus foi construindo minha história na medida dos passos que eu conseguia dar, estou dizendo tudo isso para que você sempre possa ter em mente que Deus caminha conosco tendo todo carinho de nos esperar em nossas demoras e imaturidades. Ou mesmo como Ele disse aos discípulos de Emaus, “lentos para crer”, é bem assim, na minha lentidão Deus foi trabalhando.

A minha paixão pela TdC vejo que é de todos que a conhecem um pouco mas de perto, uma visão de Homem que dialoga com a fé e a razão, sem confusões, e dando espaço para essa complexidade que é o ser humano em todo o seu mistério inesgotável.  É sempre uma retomada como diz Santo Agostinho “creio para compreender, compreendo para crer”. JPII resume assim: “O homem não pode viver sem amor. Ele permanece para si mesmo um ser incompreensível e sua vida é destituída de sentido, se não lhe for revelado o amor” (Encíclica Redemptor hominis).

O tema corporeidade é o eixo da reflexão, mas parte dessa visão de homem integral, que é um todo, e não reduzindo o corpo a pura matéria, nem tão pouco tomar a alma como algo superior. A alma e o corpo são apenas formas de pensar uma só realidade que é a pessoa humana. Novamente visitaremos Agostinho: “Ou se é espiritual até a carne, ou então se torna carnal até o espírito!”
Resultado de imagem para introdução a teologia do corpo
Damos abertura a essa nova serie com o desejo de receber um retorno seu, sua opinião, sugestões  e duvidas! Até a próxima!

Paz e bem!

Um comentário:

Rodrigo MEsquita disse...

A BELEZA DE ENTENDER A ESSÊNCIA DA NOSSA CRIAÇÃO NÃO TEM PREÇO, VALE A PENA SE AVENTURAR EM VIVER DE UMA FORMA DIFERENTE DE QUE O MUNDO NOS ENSINA, POIS, ESTAMOS NO MUNDO MAIS NÃO SOMOS DO MUNDO. ESSE PRESENTE QUE DEUS NOS DEU, A TEOLOGIA DO CORPO NOS FAZ ENXERGAR DE UMA FORMA DIFERENTE A RELAÇÃO DO CORPO E DA ALMA, O AMOR QUE EXISTE DENTRO DE NÓS E VIVER SEGUNDO A VONTADE DE DEUS.

ESSES COISAS ME FAZ ME APAIXONAR PELO ESTUDO DA TEOLOGIA DO CORPO. NÃO VOU MENTIR, NÃO É FÁCIL! MAIS É A VERDADEIRA E UNICA FORMA DE EXPERIMENTAR UM VERDADEIRO AMOR (DEUS)

ESTAREMOS JUNTOS !!!

 
Pesquisa personalizada